Home / Dicas / A delicadeza da camurça, que está em alta

A delicadeza da camurça, que está em alta

Na clássica canção “Blue Suede Shoes”, de 1956, Elvis Presley já avisava: “Não pise nos meus sapatos de camurça azul. Você pode fazer qualquer coisa, mas fique longe dos meus sapatos de camurça azul”. O Rei do Rock sabia das coisas.

A camurça é delicada e mancha com facilidade. Mas, limpá-la, sem danos, nem sempre é uma tarefa simples.

A camurça é um tipo de couro felpudo produzido com a parte interna da pele de animais, como cabras, vacas, porcos e cordeiros, entre outros. Inicialmente, era chamado de camurça somente o couro feito a partir do animal que leva o seu nome.

Apesar de suas semelhanças visuais, a camurça é produzida de maneira diferente do nobuck, já que este é feito a partir da parte externa do couro, que é lixada até ficar felpuda.

Mas, hoje, por questões de preservação da espécie, a camurça sintética é amplamente utilizada no mercado mundial da moda.

 

Sapatos de camurça

Os sapatos de camurça estão em alta na temporada de outono-inverno 2016

Delicados, os produtos de camurça – natural ou sintética – exigem  cuidados especiais. O ideal é prevenir e evitar manchas através da aplicação de produtos impermeabilizantes. No mercado há inúmeras opções em spray, de fácil aplicação e preços variados.

Mas, se não for possível evitar, há alguns truques que podem ajudar a recuperar os calçados e acessórios.

 

Manchas de lama – Passar uma escova úmida sobre a mancha e logo em seguida secar com secador. A escova deve ser passada sempre na mesma direção para evitar marcas na camurça.

Manchas de óleo – Fazer uma trouxinha com farinha de milho em um pano limpo. Com ela esfregar suavemente o local da mancha, em movimentos circulares. Em seguida, limpe o local com uma escova com cerdas de metal, ideal para uso em camurça.

Manchas resistentes –  Misturar 1 colher (de sopa) de vinagre a um copo de água. Aplicar sobre a mancha e retirar com um pano úmido.

Camurça molhada –  Retirar o excesso de água pressionando uma toalha seca por fora e por dentro do calçado. Em seguida, encha o calçado com papel. Neste caso, exceto jornal, que solta tinta e pode manchar. Deixar secar naturalmente em local arejado.

Limpeza e hidratação com condicionador de cabelo –  Misturar uma colher de sopa de condicionador de cabelo a 2 colheres (de sopa) de água. Aplicar esta mistura sobre o sapato e deixar agir por dez minutos. Em seguida, retirar com um pano úmido. Deixar secar naturalmente antes de usar ou guardar.

Sobre Ana Bernardinelli

Quem sou eu? Pergunta difícil, até porque ainda não encontrei a resposta. Mas, uma certeza é que desde muito cedo soube que queria escrever. Sobre tudo. Dos tempos em que brincava de “fazer jornal”, com o meu fictício “O Linguarudo”, até meus textos adolescentes em “Penúltima Palavra – porque a última é sempre da diretora”, o periódico da escola, fui confirmando meu desejo. Ainda cursando Jornalismo na Faculdade de Comunicação Social Cásper Líbero, no coração da sempre incrível Av. Paulista, comecei a trabalhar na área. Já formada, passei por emissoras de rádio FM e AM. Também trabalhei em revistas – de automóveis, brinquedos e variedades, além de prestar serviços para empresas e entidades de classe com textos corporativos. Nos últimos anos, fui repórter do mais importante semanário da Zona Norte de São Paulo. Apaixonada por história da arte, cultura pop, música, cinema e literatura, tenho ainda um grande vício. Sim, confesso: sou sapatólatra. Em estágio avançado. E sem esperanças de cura. Simplesmente não resisto ao desejo de buscar novidades e curiosidades sobre este objeto que ultrapassa sua definição e se mistura com tantas emoções. Porque por trás de um belo par de sapatos, há sempre uma grande história. Aqui, no entanto, está a minha terapia! Vocês agora são meus convidados para esta aventura fashion! Ana Bernardinelli

Veja também...

Práticas e confortáveis, as skinny boots estão em alta nesta temporada.

  Ajustadas às pernas como uma segunda pele, as skinny boots confortáveis e muito sensuais. …

Deixe uma resposta

Conecte-se com:



O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *